IP Casa de Oração - Rua Moreira Neto, 283 - Guaianases - São Paulo

sexta-feira, junho 01, 2012

Waldir Maia - O Verdadeiro Lobisomem da novela Roque Santeiro Primeira versão

Aqui está uma pequena biografia do falecido ator que fez O Professor Lobisomem de Roque de 1975, a Santeiro, primeira versão:
Waldir Maia



Rio de Janeiro em 1930- Rio de Janeiro em 1992)

O ator Waldir Maia estreou como ator no cinema, sem ser creditado, no filme "Estou Ai", de 1949. Logo em seguida, fez o drama “Rua Sem Sol” de Alex Viany. Participou de uma série de comédias da época como “Metido a Bacana”, “Canjerê”, “Pé na Tábua”, “O Noivo da Girafa”, “Aguenta o Rojão” e “Esse Rio Que Eu Amo”.

Fez sua estréia nos palcos também na década de 50, tendo atuado, dentre outras peças, em "O Mambembe" (1959) e "Orfeu da Conceição", polêmico texto de Vinicius de Morais.

Waldir Maia foi para a televisão somente na década de 70, onde fez, dentre outras, as novelas “Pecado Capital” (1975), “O Casarão” (1976) e “Sétimo Sentido”, essa sua última participação na TV, em 1982.

Ficou conhecido do grande público por dois personagens: o Quirino da versão global do “Sítio do Picapau Amarelo” (1977) e o Seu Avelino do programa “Chico City”.

Filmografia de Waldir Maia:

Ódio (1977)
As Grã-Finas e o Camelô (1976) .... Afonso
Com as Calças na Mão (1975)
O Judoka (1973)
River of Mystery (1971)
Perpétuo Contra o Esquadrão da Morte (1967)
Se tutte le donne del mondo (1966)
Cristo de Lama (1966)
Um Ramo para Luíza (1965)
Pluft, o Fantasminha (1965)
Nordeste Sangrento (1962)
Esse Rio Que Eu Amo (1962)
Quanto Mais Samba Melhor (1960)
Os dois Ladrões (1960)
Um Caso de Polícia (1959)
Depois do Carnaval (1959)
Agüenta o Rojão (1958)
O Noivo da Girafa (1958)
Metido a Bacana (1957)
Pé na Tábua (1957)
Canjerê (1957)
O Contrabando (1956)
Rua Sem Sol (1954)
Estrela da Manhã (1950)
Estou Aí (1949)

Atuou como assistente de direção no filme "Canjerê".

Waldir Maia morreu de câncer, no Hospital da Lagoa, no Rio de Janeiro.

2 comentários:

  1. Waldir Maia era meu tio-avô. Seria muito bom se eu pudesse resgatar alguns videos de suas atuações, mas tem sido difícil. A família agradece a homenagem, Elisabeth.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana Cláudia
      Pena que vocês não estão conseguindo este material.
      Sou a favor de preservarmos nossa memória e quando ela pode ser guardada em imagens ainda muito melhor. Acredito que a família também deva ter, não só por lembrança de uma pessoa querida, mas por ser algo que marca a História de nosso país, no caso de seu avó, a Arte.
      Não sei como posso ajudar, mas se houver algo que eu possa fazer, eis-me aqui.
      Seja bem-vinda outras vezes.
      Elisabeth

      Excluir

Seja bem vindo sempre aqui.Aproveite que veio e visitou e faça uma blogueira feliz:Comente!


De acordo com a Justiça o autor do blog não está livre de uma eventual responsabilidade civil ou mesmo criminal por causa de comentários deixados por leitores. Portanto faremos o controle dos comentários aqui expostos.

A Constituição Federal garante a livre manifestação do pensamento, mas veda expressamente o anonimato (art.5º, IV), por isso comentários anônimos não serão mais permitidos!
Sem contar que comentários que difamem o autor, o Blog ou o personagem descrito na matéria serão proíbidos!

Agregadores

Medite!

Algumas Canções Cristãs - Homens

Ferramentas para Blog

Dessander, o amigo

Loading...

Outras Postagens

Gióa Júnior

Aproveita e leia mais sobre Miriam Makeba

MIRIAM MAKEBA - UMA HOMENAGEM PÓSTUMA
Gostaria de fazer aqui uma homenagem a uma das mulheres que mais admirei nesta vida - Miriam Makeba. Desde criança me deleitava com suas músicas, elas nunca tocaram meu corpo, sempre tocaram minha alma.
hmais aqui
http://www.amigosdosabor.blogspot.com/