IP Casa de Oração - Rua Moreira Neto, 283 - Guaianases - São Paulo

sexta-feira, abril 03, 2015

Dinheiro e Gente Falsa

Falsidade e Dinheiro Falso    
                    
                As pessoas questionam muito a Falsidade alheia. Seja nas relações reais, seja nas virtuais, as pessoas estão sempre se doendo por causa da falsidade alheia. E quando me estresso com alguns que me chamam para falar da falsidade de alguém, quase sempre ouço do reclamante  que não sou normal.
                Na verdade eu sou normal. Conheço e conheci muitas pessoas falsas na minha vida. Mas sempre me livro delas. Como me livraria de um dinheiro falso. Veja bem: Já que algo não tem valor, por qual motivo vou ter perto de mim? Afasto-me mesmo. Afasto-me dos falsos, dos aproveitadores, dos vitimizados, dos imbecis. E de um monte de gente que considero descartáveis, pois elas, com suas atitudes se tornaram assim.
                Acredito que se uma pessoa mantêm perto de si alguém falso, em suas relações pessoais, esta pessoa  também não é digna de confiança. É óbvio que em situações sociais, como no trabalho, por exemplo, se afastar de uma pessoa falsa, sem criar um clima desagradável,  é sim algo difícil de fazer. Mas cortar as relações pessoais, reduzi-las aos comprimentos gentis da boa educação, já ajuda muito. Não se deve alimentar de coisas negativas e ter um monte de pessoas ao seu lado pelo simples prazer de dizer que se tem muitos amigos, é uma atitude, no mínimo, doente. 
                Em outros ambientes dá sim para se livrar do convívio direto com as pessoas que você considera falsa. afaste-se com educação, mantenha distância e se faça sim de difícil. Você não é obrigado a viver com alguém que te faz mal.
                Muitas pessoas - que ainda não são meus amigos - costumam dizer que são estas pessoas quem mais  precisam de amor. Eu não vejo assim. Para mim quem mais precisa de amigos é quem tem problemas de personalidade. Por mais difícil que uma pessoa assim seja, realmente não me afasto, sei que a convivência com pessoas que as ame, pode sim, transformá-las. Mas falsidade é problema de Falta de Caráter e come estes eu não tenho negócio.
                Sou de opinião que problemas de caráter - especificamente desvio deste - não são tratáveis. Para que uma pessoa mude, primeiro ela tem que ter bom alicerce moral; segundo, ela precisa querer mudar; terceiro, ela precisa assumir que tem um problema e querer mudar e, em quarto lugar, provar, através de suas atitudes que realmente é capaz de mudar.

                 Em suma, para mim, pessoas falsas e dinheiro sem valor, tem o mesmo destino: Lixo, pois nenhum dos dois são recicláveis.

Um comentário:

  1. Belo texto Beth, faz muito sentido. Tolerar não é conviver com a ignorância, né ?

    ResponderExcluir

Seja bem vindo sempre aqui.Aproveite que veio e visitou e faça uma blogueira feliz:Comente!


De acordo com a Justiça o autor do blog não está livre de uma eventual responsabilidade civil ou mesmo criminal por causa de comentários deixados por leitores. Portanto faremos o controle dos comentários aqui expostos.

A Constituição Federal garante a livre manifestação do pensamento, mas veda expressamente o anonimato (art.5º, IV), por isso comentários anônimos não serão mais permitidos!
Sem contar que comentários que difamem o autor, o Blog ou o personagem descrito na matéria serão proíbidos!

Agregadores

Medite!

Algumas Canções Cristãs - Homens

Ferramentas para Blog

Dessander, o amigo

Loading...

Outras Postagens

Gióa Júnior

Aproveita e leia mais sobre Miriam Makeba

MIRIAM MAKEBA - UMA HOMENAGEM PÓSTUMA
Gostaria de fazer aqui uma homenagem a uma das mulheres que mais admirei nesta vida - Miriam Makeba. Desde criança me deleitava com suas músicas, elas nunca tocaram meu corpo, sempre tocaram minha alma.
hmais aqui
http://www.amigosdosabor.blogspot.com/