quinta-feira, abril 15, 2021

Novidades: Em breve teremos a Resenha do livro "Moleque de Fábrica", do professor e sociólogo José de Souza Martins



 Ontem, enfim, o MSN/Hotmail/Outlook me deram de novo a minha antiga conta. Resgatei correspondências que me interessam e entre elas, o contato com o professor e sociólogo José de Souza Martins. Ele já figurou aqui trazendo dados sobre a cidadã ilustre de Guaianases, escritora Francisca Júlia. Quem segue a mais tempo, sabe bem disso. E os mais íntimos sabem de meu problema como MSN também. Assim, vou ler o livro, resenhar e até postar pontos de destaque por aqui. E espero que vocês curtam
Depois me despedirei de vocês...

Agora, transcrevo nosso último contato:

"Prezada Elisabeth,

Agradeço-lhe a resposta a minha mensagem de dez anos atrás. Como dizem, antes tarde do que nunca.

Reitero a consulta que lhe fiz naquela ocasião. Se você tiver interesse em ler meu livro autobiográfico, "Moleque de Fábrica"  e, eventualmente, divulgá-lo em seu blog, peço-lhe que me mande seu endereço postal completo. Pedirei ao meu editor que lhe mande um exemplar do livro.

Em vários capítulos do livro, trato de aspectos de minha vida em Guaianases. Eu morava numa casa de pau a pique num pequeno sítio no que ainda era a Fazenda Santa Etelvina. Tinha que caminhar, descalço, 16 quilômetros por dia, para ir e voltar ao Grupo Escolar "Pedro Taques", na rua da Estação, escola em que terminei o curso primário em 1949. Fui aluno do professor Cosme Deodato Tadeu, que é hoje nome de rua na localidade. Localidade que era um povoado de meia dúzia de ruas.


O sítio em que m orávamos era encravado na Mata Atlântica, tinha onça, cobra, ouriço veado, lagarto, tamanduá. Comíamos alguns desses animais. Era o que tínhamos. No livro, narro episódios relativos a costumes que eram remanescentes do tempo da escravidão. 


Talvez o s jovens da região se interessem pelo livro. (...)

Fique bem."

Professor José de Souza Martins



                                             *************************

Viram só a vergonha que esse troca troca de senha que o outlook nos faz fazer para manter a conta segura faz a gente passar?
Ainda bem que sou corajosa e escrevi retomando o contato.
Agora me vou.
Beijos em vocês todos

IP Casa de Oração - Rua Moreira Neto, 283 - Guaianases - São Paulo

Agregadores

Medite!

Gióa Júnior